Pit Bulls Atacam Criança Deformam Seu Rosto e Pai faz Alerta: Foi Um Milagre!

By 18/04/2018Diversos, Filhos
Publicidade

Dia 6 de Abril um ataque de dois  cachorros Pit Bull a um menino de 4 anos  no Arkansas, EUA,  deixou o menino Matthew, no hospital e deformou seu rosto e autoridades municipais com as mãos amarradas, e o Pai Dustin Guess esta lutando para que não mais aconteça com outras crianças.

Matthew brincava na frente da sua casa quando os cachorros do vizinho pegaram ele, um pela perna e logo o outro pelo rosto. “Ele disse papai, eles tinham meu rosto”, disse Dustin Guess. “Eu não pude vencer.” Dustin tambem disse em entrevista a agencia de TV KNWA “Eu ainda tenho  pedaços do rosto do meu filho grudados nas minhas botas pois caíram nelas quando eu peguei ele”, disse Guess.

De imediato foi transportado para o Hospital Infantil de Arkansas, em Little Rock, com ferimentos fatais.

Publicidade

 

Matthew se recupera em uma cama de hospital depois de várias cirurgias e inúmeros pontos.

“Eu não sei como descrever a escuridão, a solidão, o medo e a raiva”, disse o pai de Matthew.

 

O pai questiona a Administração Publica, e tenta criar leis que regularizem a tenência de cães perigosos:

Publicidade

…. o proprietário deve apresentar ao município prova de que ele ou ela tem seguro de responsabilidade civil, manter o cão em uma área fechada e o tribunal pode ordenar que o animal seja sacrificado a qualquer momento.

Publicidade

Mas de acordo com advogados  é difícil de administrar essa questão.

“É lamentável porque neste momento não há uma forma à prova de falhas para impedir que isso aconteça novamente”, disse Lester, advogado do condado de Washington.

“Ele ainda tem aquele sorriso”, …”Não se foi e ainda funciona.” Comentou o pai do menino que pensa em processos judiciais, contas médicas e campanhas por novas leis se concentrando no futuro para que isto não mais aconteça.

“Minha realidade e meu entendimento até agora é que tem que haver, tem que haver, algo posto em prática para proteger nossos filhos quando os pais falham, porque eu fui um pai fracassado”, disse Guess.

Um dos cachorros pit bulls envolvidos no ataque foi sacrificado.

E, a partir de agora, o outro cão será devolvido ao proprietário sob diretrizes específicas.

A próxima cirurgia de Matthew está marcada para o começo desta semana.

Para contribuir com a família Guess, clique aqui.