Mulher tem seu primeiro filho aos 58 anos

 

Uma australiana, Carolyne, de 58 anos anos, fez tratamento de fertilização na Índia com óvulo e esperma doados.

A mulher tinha o sonho de ser mãe, mas era uma mulher que viajava muito, sempre pensava em engravidar porém na época que era casada, aos 30 anos , teve uma crise na relação e acabou desistindo, ela contou em depoimento ao site That’s Life,

Carolyne sabia que precisaria fazer algum tratamento para engravidar, Mas os anos foram passando,e quando viu já estava com 50 anos, mas na época o parceiro não quis ter filhos, então passado mais 5 anos, ela se decidiu que teria seu filho sozinha, pesquisou bastante, até que encontrou um lugar que toparia em realizar o tratamento de fertilização em mulheres mais velhas, Na Índia, no International Fertility Centre, em Nova Delhi, onde ela foi atendida por Rita Bakshi, uma conhecida especialista do país.

Aos 58 anos Carolyn, conseguiu engravidar porque usou um óvulo doado ( a doação é feita por mulheres entre 20 anos, para garantir que seja óvulos jovens, e o esperma igualmente foi doado.

Cresceram 3 embriões por cinco dias na clínica e só depois transferidos para o útero de Carolyn, o que significa que até poderia ter concebido trigêmeos.
Depois que a gravidez foi confirmada, ela retomou sua vida na Austrália.
Com 35 semanas de gestação, o bebê parecia que não estava se desenvolvendo como se esperava, então os médicos optaram em marcar uma cesariana, e deu tudo certo , durante todo o processo Carolyn, conta que usou reiki e meditação.

Hoje o pequeno Javd tem 4 meses, adora brincar na piscina com a mãe e já tem viagens marcadas para abril e maio.
“Não vou deixar que a maternidade me impeça de viajar; agora, nas minhas aventuras, tenho Javed ao meu lado”, diz Carolyne.