Mãe é surpreendida ao dar à luz em frente a filha de 3 anos e ela sabe extamente o que fazer

By 18/01/2018Diversos, Filhos, Gravidez

O parto sem dúvida alguma é o momento mais especial e único na vida de qualquer mulher e de seu amado bebê, além de ser esplendidamente natural e fazer parte de nossas vidas.

Recceba Joseloff é mamãe de dois filhos e ao descobrir sua terceira gravidez, decidiu que sua filha de 3 anos, Hunter, iria auxiliá-la durante o parto de seu pequeno irmãozinho.

A pequena menina assistiu a diversos vídeos na internet, aprendeu sobre anatomia e mais alguns detalhes que eram importante para que ficasse plenamente preparada para o momento especial de sua mamãe.
“As crianças percebem as coisas do jeito que os adultos reagem. Então se o nascimento não for mostrado à elas de forma assustadora ou traumática, elas não vão pensar que é”, disse Receba ao Café Mom.
Por decisão da mãe, o parto foi realizado em sua casa e a pequena Hunter participou de todos os procedimentos que aconteciam, tudo foi registrado pela fotógrafa Nicole Lahey.


Todas as fotos tiradas já foram vistas e compartilhadas por muitas pessoas que choraram e se apaixonaram por cada momento registrado. As imagens foram publicadas por uma página chamada Love What Matters e receberam ainda mais visibilidade.

Ao longe de todos os momentos que foram passando durante o parto, Hunter permaneceu completamente tranquila, com seu jeito encantador, fez que todos ao redor ficassem calmos como ela, mas nada impediu que sua curiosidade surgisse, com sorte todas suas perguntas foram respondidas e suas dúvidas sanadas. “Ela não se acovardou quando a mãe gritou a chegada de seu irmão e não ficou nervosa nem tão pouco preocupada sobre isso, de jeito nenhum”, comentou a mãe.


Nicole perguntou se ela gostaria de segurar seu irmãozinho no colo, assim que nasceu. Hunter surpreendentemente ficou ainda mais radiante, com a ideia de pegar em seus pequenos bracinhos o novo mebro de sua familia. A meina tirou sua blusa para que o bebê pudesse sentir sua pele bem de pertinho.
“Ela me perguntou porque estava fazendo isso sem camiseta e eu disse que é porque os bebês amam sentir o toque da pele. Ela foi ao céu e não queria devolvê-lo para a mãe”, disse a fotógrafa. Dá para ver a felicidade refletida em seus olhos ao segurar o irmãozinho!