Mãe e namorado agridem bebê: no hospital jogam no celular e dão risadas, enquanto o bebê lutava pela vida

By 15/03/2019Diversos, Filhos
Publicidade

 

A mãe e seu namorado agrediram gravemente a bebê, até parecia que ela tinha sofrido uma acidente de carro. No hospital o casal ria e jogava no celular enquanto a bebê estava lutando pela sua vida.

O bebê de 22 meses foi espancado pela mãe, Abigail Leatherland, 26 anos, e pelo seu namorado Thomas Curd, 31 anos, ela foi levado ao hospital mas não resistiu.

O casal é acusado pela morte do bebê, o julgamento iniciou nesta última quinta-feira (14) em Plymouth nos Estados Unidos.

A bebê Eve Leatherland, tinha 22 meses, quando foi agredida violentamente, teve o crânio fraturado, costelas quebradas e o fígado ficou dilacerado.

No julgamento, foi revelado que a menina foi envenenada. Quando eles chegaram ao hospital com a bebê, outra atitude cruel chamou a atenção e foi revelado pelo promotor de justiça. O casal ficou dando risadas e jogando no celular, enquanto a bebê Eve, lutava pela sua vida.

Publicidade

“Mas ao invés de levá-la ao hospital ou telefonar para um médico ou fazer qualquer outra coisa para tentar salvá-la, finalmente ela recebeu uma dose fatal de codeína”.
Brunton também disse que Eve teria sido espancada em várias ocasiões antes do dia 5 de outubro, no dia em que ela morreu, e disse que achava “inconcebível” que o casal não soubesse de sua dor, de acordo com o Independent .

A pequena faleceu em outubro de 2017 e o casal está sendo julgado agora pelo crime. O julgamento ainda não acabou.

Publicidade
Publicidade

Foto: Reprodução Facebook