Mãe diz adeus à seu filho com câncer: então ele diz 4 palavras que partem seu coração

By 18/01/2018Diversos, Filhos
Nolan, 3 anos, uma criança saudável como qualquer outra.  Filho de Ruth e Jonathan Scully, pais apaixonados por seu pequeno filho. Certo dia, o garotinho pareceu ter um resfriado inofensivo, mas infelizmente seu estado só agravou. Seus pais o levaram ao hospital e receberam a pior noticia que um pai e uma mãe poderiam receber, seu bebezinho estava com rabdomiossarcoma, uma espécie de câncer incomum e muito agressivo. 
Recentemente Ruth fez uma declaração em seu Facebook pessoal, compartilhando a triste história de seu pequeno filho.
O pequeno estava com o corpo sendo tomado lentamente pelo câncer, a mãe Ruth decidiu compartilhar em seu post uma descrição completa do terrível sofrimento e o tamanho da força que lutava, seu Logan estava passando.
Sugiro que pegue um lenço, pois esta história faz qualquer um chorar.
Nolan faleceu 15 meses após sua doença ser descoberta e sua mãe escreveu a história  dos  dois últimos meses que passou ao lado de seu amado filho.
O bebê faleceu em fevereiro depois de lutar bravamente com muita garra contra o terrível câncer. Rabdomiosarcoma ou RMS é muito incomum e uma variante muito agressiva, este tipo de câncer pode aparecer por todo o corpo, mas é encontrado especialmente em músculos esqueléticos, principalmente quando estão se formando. Infelizmente, RMS parece ser muito resistente a qualquer tipo de tratamento.
Ruth quis compartilhar junto a todos a triste realidade que seu pequeno filho estava passando, a cada dia sua doença paralisava cada vez mais as partes de seu corpo. Em dia, o menino estava tão assustado com o que estava ocorrendo com ele que deitou-se em cima de um tapete de banheiro, onde a mãe tomava banho, pois não queria deixar sua mãe.
Sua história começou quando Nolan queixou-se de ter o nariz entupido, em setembro de 2015. Automáticamente seus pais associaram a alguma gripe que o menino poderia ter pego, mas o tempo seguiu passando e a cada dia que passava, ele sentia muito mais dificuldade de respirar  e nenhum dos remédios que tomava pareciam melhor.
Dois meses após nenhuma melhora, foi descoberto uma obstrução nasal causada por um tumor. Um câncer que se desenvolve nos músculos, gorduras e articulações, quem tem esta doença, desenvolve sintomas de gripe, dores de cabela, tonturas e dificuldade em fazer xixi.
Nolan passou por várias tentativas de quimioterapia e radioteria, mas ele só foi piorando, ficando cada vez mais fraco e com isso o menino perdeu todo o seu cabelo.
O câncer começou a se espalhar por todo o pequeno corpo e com isso, suas chances de sobrevivência, assim como outros pacientes que tem a doença, cairam de 40% para 20%.
Sua documentou seus últimos meses junto ao filho e descreveu Nolan como “um verdadeiro amor”.
Seus pais contam o quão forte e como ele lutou incansavelmente contra sua terrivel doença. Mas, o sofrimento era insuportável para Ruth! Quando ela levou Nolan para o hospital pela última vez, após um ano da sua primeira visita, ele não conseguiu comer nada, devido ao contínuo vômito, que ele sofria.
No mês de fevereiro, tal qual ele veio a falecer, foi explicado pelo oncologista aos pais que seu câncer espalhou-se de tal forma, que limitou suas vias aéreas e bloqueou seu coraçãozinho, ao mesmo tempo que a doença, tornou-se completamente resistente aos tratamentos que lhe eram dado.
Ruth com muito pesar em seu coração relatou em seu Facebook os últimos dias junto ao seu pequeno grande amor no hospital.
“Eu me sentei ao lado dele, descansando minha cabeça na dele e tivemos a seguinte conversa”:
Eu:  Amor, dói quando você respira?
Nolan:  Hmmm … sim
Eu : dói muito, né?
Nolan : (olha para baixo) Sim.
Eu : Querido, esse câncer é impossível. Você não precisa lutar mais.
Nolan : (Muito feliz) COMO NÃO PRECISO LUTAR MAIS? Eu faço isso por você, mãe!
Eu : Não, querido! Você esta fazendo isso? Lutando pela mamãe?
Nolan : CLARO!!
Eu:  Nolan Ray, qual é o trabalho da mamãe?
Nolan: PROTEJER-ME! (com um enorme sorriso)
Eu : Meu amor… Aqui já não posso mais te proteger. O único lugar onde eu posso te proteger é no céu (meu coração partiu nesse momento).
Nolan : Então vou ao céu e fico brincando enquanto espero você. Por que você vai vir, verdade?
Eu : Claro que sim. Você não pode se livrar de mim tão facilmente!!!
Nolan : Obrigado mamãe! Eu vou lá e fico brincando com Hunter, com Brylee e Henry “
Nolan passou a dormir constantemente em seus últimos dias. Então, sua familia decidiu que estava na hora de voltar para casa o mais rápido possível para que ele pudesse passar suas últimas noite em sua casa junto a eles, porém, enquanto as malas estavam sendo feitas, o pequeno pegou a mão de sua mãe e lhe disse que estava tudo bem, que poderiam ficar também no hospital.
“Meu pequeno herói queria que tudo fosse mais fácil para mim …”  escreveu Ruth Scully em seu Facebook .
Então a mãe continua :
“Por volta das 9 horas da noite, estávamos assistindo TV quando perguntei a Nolan se eu poderia ir tomar banho. Eu não conseguia deixá-lo só, pois ele queria que eu estivesse perto dele o acariciando.
Nolan respondeu: “Hmmmm, está tudo bem mamãe. Diz ao tio Chris que venha sentar-se ao meu lado e mude-me para que eu possa vê-la.
Eu estava na porta do banheiro, eu me virei e disse: “Continue me olhando amor. Volto em dois segundos. “
Eu me apressei, me sentei de novo na cama e coloquei minha mão no lado direito do seu rostinho. E então aconteceu um milagre que nunca vou esquecer…
Meu anjo respirou fundo, abriu os olhos, sorriu e disse: “Eu amo você, mamãe”.
Ele virou o rosto para mim e, às 23:54, Rollin Nolan Scully partiu enquanto eu cantava “Você é meu raio de luz” no seu ouvido.”