Guerreiro: Bebê abandonado em matagal corre risco de morte! Assista Vídeo do Resgate:

By 04/03/2018Diversos, Filhos

O bebê abandonado em matagal no Sul de Minas segue lutando pela vida. Ele está internado na UTI pediátrica do Hospital Universitário Alzira Velano, e Afenas, ele passou por uma transfusão de sangue, e ainda corre risco de morte, porém seu quadro estabilizou,

Segundo o Portal Em, o caso aconteceu em Paraguaçu, cidade de pouco mais de 20 mil habitantes. O resgate foi realizado na manha de quinta-feira(01), pelo Sargento Antônio Carlos Anibal, quando ele chegou no matagal o bebê estava com dificuldades para respirar. Foi realizado massagens para o pequeno respirar, o militar muito emocionado pedia para o menino “respira neném… respira…”, assim que ele reagiu, foi levado para o pronto socorro local.

O bebê tinha sido abandonado pela mãe na quarta-feira, com problemas respiratórios e ferimentos pelo corpo causados por picadas de insetos, o menino foi levado em estado grave.

A mãe, uma adolescente de 15 anos, foi localizada pela policia e também precisou atendimento ginecológico.Ela relatou que não sabia que estava grávida, e que na madrugada de quarta-feira, teve um parto espontâneo. Como estava assustada, abandonou o filho sobre uma telha no terreno baldio, escondido, no bairro Santa Terezinha, porque tinha medo da reação dos pais.

Acredita-se que o bebê, sobreviveu por cerca de 30 horas no local, sem vestimentas. Vizinhos relataram que escutaram o choro, mas pensavam que se tratava de gatos e que não se preocuparam.Até que na quinta-feira, uma moradora, diante da insistência do choro se aproximou do matagal, e ao perceber que se tratava de um bebê, chamou a Polícia Militar, eles chegaram rapidamente.

A equipe médica do Hospital Alzira Velano, estão sem empenhando nos cuidados com o pequeno recém-nascido, cuja a história que emocionou a todos. Eles tem chamado o menino de guerreiro, por sua luta pela vida.

A mãe da criança e seus familiares estiverem nesse domingo na UTI visitando o bebê. A mãe diz estar arrependida pelo ato impensado, ela tem se emocionado ao ver o drama do filho.