Cuide da saúde bucal durante a gestação e evite o nascimento prematuro do bebê

O corpo da mulher se transforma de uma forma muito intensa e muitas vezes alguns probleminhas podem surgir quando estamos grávidas, até mesmo nossa saúde bucal pode ser afetada devido aos hormônios desse período. Aliás, a recomendação é que se nesse ano você está pensando em engravidar, faça uma visitinha ao seu dentista para resolver todos os probleminhas bucais que possa ter e assim garantir uma gestação saudável.

Os problemas orais mais comuns durante a gravidez são:

  • Gengivite – A causa mais comum da gengivite é a falta de higiene bucal adequada, que permite o acúmulo da placa bacteriana nos dentes e na gengiva. Alterações hormonais que ocorrem na gravidez provavelmente explicam os episódios de gengivite que se instalam nessa fase da vida e, por isso, exigem acompanhamento odontológico, cuidados especiais e redobrados.
  • Erosão do esmalte – Para algumas mulheres, enjoos matinais são os principais sintomas da gravidez. Em conjunto com a náusea, estão ácidos adicionais que, se deixados na boca, podem ocasionar erosão nos dentes. Certifique-se de enxaguar a boca com água ou fluoreto para manter os níveis ácidos sob controle e assim evitar uma erosão dental.
  • Boca seca – A boca seca durante a gravidez pode colocar mulheres em risco maior de problemas como cárie nos dentes e infecções. Beba quantidades abundantes de água para permanecer hidratada e mastigue chiclete sem açúcar para aumentar a produção de saliva.
  • Periodontite – E que se não tratado, pode causar partos prematuros. Devido as alterações hormonais, a gengiva pode doer e sangrar facilmente. A situação se agrava se não existirem cuidados adequados de higiene oral. Uma infecção na boca leva o corpo a produzir maior quantidade de prostaglandinas, substâncias que causam contrações no útero e podem acelerar o trabalho de parto, ocasionando partos prematuros.

É essencial notificar o dentista que você está grávida.

Os problemas dentais devem ser tratados, mas quanto aos exames de radiografia, anestésicos bucais e medicação contra dor, dificilmente serão receitados durante o primeiro trimestre, a não ser que seja realmente necessário. O melhor período para visitar o dentista durante a gestação é entre o quarto e sexto mês. Porque nos três primeiros meses são os mais importantes para o desenvolvimento do bebê.

A melhor forma de prevenir as doenças bucais continuam sendo as mesmas: escovar os dentes após as refeições e antes de dormir. Ela ainda reforça que não devemos deixar de lado o fio dental, pois ele é essencial para uma limpeza completa. Trocar a escova de dentes com frequência e visitar um dentista a cada seis meses para exames e acompanhamento.

Karin Petermann

Author Karin Petermann

Sou mãe de duas crianças lindas, o Cauê com 7 anos e a Catarina de 2 anos de idade. Sou blogueira há 7 anos e escrevo porque acredito que a maternidade quando compartilhada se torna mais leve e divertida.

More posts by Karin Petermann

Leave a Reply