Cena espontânea “não foi combinado” de amamentação vira campanha oficial da marca GAP

 

A modelo Adaora Akubilo estava fazendo fotos para a nova campanha da GAP, quando seu filho de 1 ano e 8 meses, resolveu mamar, acabou que as fotos foram escolhidas para a campanha de amamentação.

Tanto Adaora e o filho foram contratados para fazer fotos para a campanha de roupas da marca GAP. Então o garotinho quis mamar, a modelo avisou o fotografo que iria fazer uma pausa para pode-lo alimentar, e ele disse que ela poderia amamentar ali mesmo no set, e ele perguntou se poderia fazer uns cliques daquele momento. Como resultado: as fotos ficaram super espontâneas e foram selecionadas para a publicação no perfil do instagram da marca.

A reação foi imediata dos seguidores, foi muito positiva, choveu likes, muitos disseram que iriam comprar a camiseta em apoio a campanha da empresa divulgar a amamentação.
Em um jornal americano, Adaora disse que ficou muito feliz quando o fotografo pediu para registrar a cena da amamentação.“Senti que era uma forma de confirmação”, disse ela, disse a modelo, que viu muitas mães como ela que praticam a amamentação prolongada, que seguem ouvindo perguntas equivocadas do tipo: “por que você ainda amamenta?”.
Ela conta que amamenta o filho onde for, e a hora que for, como deve ser.

No Brasil, o Ministério da Saúde recomenda o aleitamento materno até os dois anos de idade da criança ou mais.