Bebê de 2 meses sofre abstinência de drogas e precisa de um lar:” Você quer adotá-lo?”

By 09/05/2018Diversos, Filhos
Publicidade

 

O casal Chas e Katie, estavam a 5 anos casados, morando no Texas nos Estados Unidos, quando receberam uma ligação que mudou suas vidas. “Estamos com um bebê de 2 meses na cidade de Fort Worth, ele está com crise de abstinência de drogas metanfetamina e tem o fêmur quebrado, vocês querem adotá-lo mesmo que temporariamente?, foi esta pergunta que o conselho tutelar fez ao pastor futuro pai. Na mesma hora ele a esposa aceitaram.

Os pais contam como foi se tornar pai do pequeno Jett ao portal Love What Matters:

Recebi em 2014 o convite para me tornar pastor de uma igreja na cidade de O’Brien. Uma cidade pequena com uma população de 100 habitantes.

Quando mudamos decidimos mudar a agência de adoção temporária que estávamos inscritos. Começamos o processo de adoção em uma cidade próxima de O’Brien chamada Albilene. Em abril do mesmo ano, já estávamos em Coleman, também no Texas. Eu fui como pastor, as pessoas perguntavam porque de ir para um cidade tão pequena, mas hoje sei que foi para que pudéssemos encontrar o nosso filho.

Publicidade
Publicidade

O pequeno Jett hoje é um menino saudável e feliz, as pessoas ficam encantadas com ele.Fomos muito gratos pela oportunidade de cuida-ló. Espero que nossa história inspire outros casais a fazerem o mesmo, uma chance para a adoção!