Bebê de 2 anos brinca com celular e faz transmissão ao vivo do banho da mãe

By 19/10/2017Diversos, Filhos

Momento íntimo da mãe foi compartilhado com vários amigos do Facebook.

Os aparelhos tecnológicos estão cada vez mais presentes no dia-a-dia das pessoas. Hoje em dia é difícil nos imaginar longe dessas tecnologias. O celular, por exemplo, para muitos é uma ferramenta essencial. Quantas pessoas necessitam de um aparelho para trabalhar ou até para manter contato com a família? Muitas. Somente no Brasil, existe cerca de 244 milhões de linhas de celulares. Por esse número, pode-se observar que o aparelho é fundamental no cotidiano das pessoas.

Mas, para aqueles que não dominam bem algumas funções desses aparelhos, é melhor tomar bastante cuidado. As redes sociais, que geralmente estão entre os aplicativos de um celular, podem muitas vezes atrapalhar a privacidade dos usuários.

Uma situação que ilustra bem o que está sendo dito aconteceu recentemente aqui no Brasil. Viviane Souza deixou seu celular com o filho de apenas 2 anos e foi gravada enquanto tomava banho. Quem relatou a história foi a colunista Marina Caixeta, do site G1.

A colunista escreveu que o pequeno Pietro adora brincar com o celular da mãe. No entanto, acabou aprontando essa. A mãe foi tomar banho e, em seguida, Pietro entrou todo sorridente no banheiro com o celular na mão. A mãe contou que, de início, pensou que o filho estava tirando fotos dela, porém, percebeu que era bem mais sério do que se pensava. Pietro estava fazendo uma transmissão ao vivo através de uma

Por sorte de Viviane, poucas pessoas assistiram à transmissão. Algumas amigas dela chegaram a ligar para o celular para avisar o que estava acontecendo.

Segundo as amigas, cerca de oito pessoas assistiram à transmissão.

“Eu estava falando com as minhas amigas e, ao mesmo tempo, tentando desligar a transmissão. E o meu celular começou a travar. Eu não sabia se chorava ou se saía correndo”, disse Viviane. Ela afirmou também que sentiu muita vergonha e que, por isso, preferiu não assistir ao vídeo.

Ela teve sorte que o vídeo não viralizou na internet. Mas não é sempre que as pessoas têm essa mesma sorte. Atualmente, com poucos minutos, vídeos como esse se espalham pela internet e são baixados por milhares de internautas.

Depois desse aperto, é certo que Pietro não irá brincar tão cedo com o celular da mãe. Não é aconselhável que crianças da idade dele tenham acesso a telefones celulares. Além de poder acontecer uma situação parecida, o smartphone contém partes que podem ser nocivas à saúde do bebê quando colocadas na boca.Bebê