Bebê de 11 meses é torturado com 16 agulhas dentro do corpo

By 16/04/2018Diversos, Filhos

 

 

Os médicos não acreditam que o bebê tenha engolido as 16 agulhas.Inicialmente pensavam que a criança sofria de pneumonia mas o raio-X revelou as agulhas de costura espetadas no peito, coração, coluna vertebral, intestinos e bexiga.

O bebê de 11 meses deu entrada no hospital da região de Fergana, no Usbequistão, em estado grave, com febre muito alta, problemas respiratórios e sangue na urina.
O bebê passou por uma cirurgia de 9 horas para que fossem retiradas as agulhas.

Foram extraidas dez agulhas no abdómen e pescoço do bebê, depois três removidos do coração do menino. Ficaram três agulhas que segundo, os médicos não põe em risco a vida do menino, e muito em breve, também serão retiradas.

Os médicos descartam o bebê ter engolido as agulhas, as autoridades já abriram uma investigação. A criança foi tortura na inserção das agulhas no corpo.

A mãe do menino diz estar em choque, que não sabe quem possa ter feito isso, porque o bebê vive com a mãe e com a avó. O pai trabalha na Rússia e raramente veem em casa.

“Não recebemos estranhos em casa, ninguém fica com ele sozinho. Eu não sei mesmo como isto aconteceu”, afirma a mãe do bebé.
Segundo informações dos meios de comunicação locais, que citam fontes médicas, as agulhas já tinham sido inseridas no corpo da criança “há algum tempo” e os tecidos perfurados já tinham cicatrizado.