7 frases que você NUNCA deve dizer a seus filhos

By 09/04/2018Diversos, Filhos

 

Muito cuidado as frases que se diz aos poderá danificar drasticamente a autoestima de seus filhos.

 

As vezes estamos cansados, frustrados por problemas cotidianos, e podemos dizer coisas que não sentimos, mas pela situação acabamos falando, e essas são as piores combinações de palavras que podemos dizer a nossos filhos.
Os esfeitos dessas frases podem ir além do que você acredita ou que seus filho possam controlar:

1- Você nunca faz nada direito
Nem uma adulto gostaria de ouvir isso, Imagina um criança, se seu filho cometeu um erro, ou quebrou algo, respire fundo antes de falar. Os seus filhos são o mais importante do que qualquer outra coisa.

2- Eu gostaria que você mais parecido com o seu irmão
Ao falar isso você poderá criar ressentimentos entre os irmãos. Cuide para nunca fazer comparações. Somos todos diferentes e únicos.

3- Você é feio/gordo/burro
Tudo que dizemos nossos filhos acredita, nós somos a fonte confiável de informação e maior fonte de amor. Não prejudique a autoestima de seu filho. O melhor é falar os pontos positivos ao invés de enfatizar o negativo.

4- Eu tenho vergonha de você
Quando a criança tem a tendência de chamar a atenção em público, como gritar, brincar, correr e cantar para que todos ousam. Talvez ele precisa de sua atenção. Não diga coisas em frente dos amigos. O melhor seria montar um espetáculo em casa onde ele seja a estrela principal: Talvez até descubram um artista e a família ainda vai se divertir.

5- Eu queria que você nunca tivesse nascido
Não existe frase pior a se dizer a um filho. Nunca, em nenhuma circunstância, diga isso a seu filho. nem de brincadeira.

6- Eu cansei, não te amo mais
Não devemos cair em jogo de palavras com os filhos. Sua filha não pode comer outro pote de sorvete, você explica por varias vezes,e ela insiste, e fica brava, chora e diz que não te ama mais. O correto é você explicar mais uma porque não pode comer o sorvete,e dizer a ela que você sempre irá amá-la, mas ela estando brava com você.

7- Não chore, não é nada sério
Assim como os adultos as crianças tem medos, dúvidas, e a maneira deles expressas estes medos é pelo choro. Nunca menospreze um medo, um arranhão, uma dúvida, um conflito pelo qual seu filho está passando. Ajude ele a superar o problema e a reagir de forma saudável.

 

Fonte consultada: familia.com.br